26.9.13

Símbolos de Status!


Tenho reparado que tanto as pessoas mais jovens como as mais maduras buscam status. Para o pessoal mais jovem é bom poder ostentar um bom e moderno telefone celular entre as amigas e os amigos; vestir uma roupa de grife. Já as pessoas mais maduras gostam de deixar claro que tem tempo livre; que seu grupo de amizades é seletivo; que sua casa é bonita; que seu corpo é saudável. Outro dia, num debate, ouvi alguém dizendo que as pessoas, de um modo geral, precisam adquirir tudo o que desejam para só então se darem conta de que não necessitam daquilo pelo qual tanto se desgastaram.

Por que será que a mulher e o homem precisam de símbolos de status? Por que esse sentimento de que só se pode fazer algo quando se é dono disso ou daquilo? Por que essa necessidade de se querer despontar na lista dos mais, ao invés de se alegrar com uma vida simples? Os psicólogos nos respondem estas perguntas quando apontam para o amor próprio de cada uma; de cada um. Eles afirmam que os símbolos de status preenchem os déficits da autoestima das pessoas. Assim, elas buscam-no quando não conseguem se colocar como gostariam; quando não alcançam o brilho que gostariam de alcançar.

É por isso que algumas pessoas ostentam orgulhosos símbolos nas lapelas dos seus trajes e ou até fazem questão de usar um DR diante do nome. Vem daí alguns decalques na traseira de tantos automóveis. É por isso o relógio rolex e o carro caríssimo estacionado diante da residência. Isso mesmo! Símbolos de status ajudam a pessoa a melhorar sua autoestima. Daria até para se afirmar que a função de um símbolo de status seja lavar a insatisfação constante de não se chegar lá onde se desejou.

Seria tão bom se as pessoas não precisassem aparecer diante das outras como especiais. Claro que as pessoas têm o seu preço. Algumas se deixam comprar, outras não. A verdade é que os símbolos de status sempre trazem à luz alguma informação sobre as suas donas; os seus donos que carecem deles para sobreviver.  

Nenhum comentário: